Mãe e filha presas por estelionato, fraude e porte de arma

Na manhã desta terça-feira (13) a Polícia Civil do Maranhão, por intermédio da Delegacia de Santa Luzia, deflagrou uma operação batizada de “SÍSIFO” que prendeu Jaerly Lopes Rezende. Ela é suspeita dos crimes de estelionato e furto mediante fraude.
Jaerly foi apontada pelo costume de enganar pessoas, grande parte delas idosos, para efetuar compras e empréstimos utilizando o nome das vítimas. A suspeita aproveitava o quadro de vulnerabilidade de suas vítimas, que eram minimamente selecionadas.
Ainda na ação, a Polícia Civil prendeu Sara Taynara, filha de Jaerly, pois ela estava portando arma de fogo calibre 38 e vários cartões de benefício previdenciário em nome de terceiros. Diante dos fatos, mãe e filha foram encaminhadas à sede da delegacia de Santa Luzia, onde permanecem presas até as transferências para um unidade prisional feminina.

Comentários