Morre o criador de Bob Esponja

Stephen Hillenburg, o gênio por trás do personagem Bob Esponja, morreu aos 57 anos, informou o o canal de televisão infantil e juvenil americano por assinatura Nickelodeon nesta terça-feira (27).

O realizador, diagnosticado no ano passado com esclerose lateral amiotrófica (ELA), havia sido professor de Biologia Marinha e em suas aulas fazia desenhos para ilustrar melhor as suas aulas sobre as criaturas do oceano.

De um desses desenhos nasceu Bob Esponja, lançada pela Nickelodeon em 1999 e que se centra na história de uma esponja marinha e seus amigos na cidade imaginária da Fenda do Biquíni.

Tudo foi um sucesso. Desde o início atraiu milhões de crianças, suas famílias, inclusive universitários. Foi traduzido para mais de 60 idiomas e se converteu em um fenômeno de mercado, com os mais diversos tipos de produtos.

"Era um amigo querido e um sócio criativo de longa data na Nickelodeon. Nossos corações estão com toda a sua família", disse a Nickelodeon em um comunicado no qual confirmou a sua morte.

"Steve encheu Bob Esponja com um sentido de humor único e uma inocência que trouxe alegria para gerações de crianças e famílias em todo o mundo. Seus personagens originais e o mundo da Fenda do Biquíni serão uma recordação do valor do otimismo, da amizade e do poder ilimitado da imaginação".

Hillenburg anunciou no ano passado que havia sido diagnosticado com ELa, doença degenerativa de tipo neuromuscular.

Nascido em 21 de agosto de 1961 em uma base militar em Oklahoma, se mudou com a família para a Califórnia, onde começou a trabalhar como desenhista de companhias aeroespaciais.

O nove vezes indicado ao Emmy, o prêmio mais importante da televisão, recebeu em 1984 um título da Universidade Humboldt em planejamento e interpretação de recursos naturais, com ênfase em recursos marinhos.

Começou a sua carreira como professor de Biologia Marinha no Orange County Marine Institute, em Dana Point, e em 1987 estudou animação experimental no California Institute of Arts.

De 1993 a 1996 trabalhou como diretor e roteirista de "A vida moderna de Rocko", na Nickelodeon, antes de escrever, produzir e dirigir "Bob Esponja".

Steve, como era conhecido, deixa sua esposa, Karen, e seu filho, Clay, além de sua mãe, seu irmão, seu cunhado e duas sobrinhas.
Por Yahoo.

Comentários