Acusada de assaltar motoristas de aplicativo é presa em São Luís

Nesta quarta-feira (13), a Polícia Civil do Maranhão deu cumprimento a mandado de prisão preventiva contra Adriana Fontenele Rodrigues, de 26 anos, conhecida como “Neymar”.

Durante investigação, Adriana foi identificada como autora de roubos, com uso de arma de fogo, a motoristas de aplicativos.

Pelas informações da polícia, após solicitar uma corrida pelo aplicativo, ela rendia suas vítimas durante o trajeto e subtraia os veículos.

Adriana já havia sido autuada anteriormente por envolvimento em outros crimes de roubo.

Após autuação em flagrante, ele foi encaminhada ao Complexo Penitenciário de São Luís, onde ficará à disposição da Justiça .

A prisão de "Neymar" foi efetuada por policiais das Delegacias de Roubos e Furtos (DRF) e de Roubos e Furtos de Veículos (DRFV), com o apoio do Saisp Oeste.
Por blog do Gilberto Lima.

Comentários